O lixo dos outros, os meus tesouros de rua

Como sabem, eu recolho o que vão deixando junto aos contentores de reciclagem, se achar que posso usar ou reencaminhar para quem lhe dê utilidade. Reutilizar objetos contribui para a redução do desperdício e para a promoção da sustentabilidade.

E também, contribui em muito para o meu prazer porque adoooooro descobrir tesouros! E também faz maravilhas para a minha carteira, pois já poupei muito (e dei a poupar), reutilizando o que encontrei.

Vamos aos tesouros!

LIVROS

Há dias, uma vizinha colocou um lote de livros em cima da caixa da electricidade (?).

Vendi 1 na Vinted, doei 2 e ainda estou a encaminhar os restantes. Ficarei apenas com dois pequenos livros de fotografias do artista Hazul, que eu ADORO.

UM ESPELHO DE CORPO

Bolas! Um espelho de madeira maciça, como novo. Parecia ser cerejeira.

Infelizmente, não cabia no carro, com a cadeira de rodas na mala. Tentei voltar, mas já não estava lá.

UM MÓDULO DE ARRUMAÇÃO

Mais um achado, um módulo de arrumação Trofast do Ikea, sem as gavetas. Está como novo e vai ser doado a uma familiar.

Agora tenho de encontrar as gavetas… usadas ou doadas.

Está como novo e vai ser doado a uma familiar. Agora tenho de encontrar as gavetas… usadas ou doadas.

COLCHÃO DE ESPUMA

Também encontrei um colchão de espuma que vai ser doado (se alguém precisar dele) ou reutilizado para fazer camas para os gatos ou até reforçar os assentos das minhas cadeiras.

FINALMENTE,

algo que estava à procura! Vi uma caixa de um colchão EMA, junto aos contentores… do papel! Juro! Quanto mais ricos os prédios são, piores as maneiras e o civismo.

UM PLÁSTICO GRANDE E MAIS GROSSO

Parei o carro porque estava na esperança que a caixa tivesse um plástico grande e grosso para reparar a minha estufa. Acertei!

Claro que estive a colocar todo o cartão no contentor, antes que viesse chuva.

Vou precisar de mais, mas dá para começar.

Quando tiver um pouco mais livre, peço mais no grupo de doações.

Que acham dos meus tesouros de rua?

5 thoughts on “O lixo dos outros, os meus tesouros de rua”

  1. O melhor achado que encontrei no lixo foi uma máquina de lavar roupa completamente funcional, apenas a porta da máquina estava estalada. Porta trocada por 50€ e fiquei com uma máquina de lavar roupa “nova”. Quando a recolhi já deveria ter uns 6-7 anos, à data de hoje ainda funciona normalmente. Neste momento deverá ter mais de 20 anos.

    Muitas das máquinas de lavar roupa que vemos hoje não duram tanto, não só pelo facto dos materiais serem de fraca qualidade mas também pelo mau uso dos seus utilizadores.

    O segundo melhor achado foi um conjunto de mesa e cadeiras, depois de recuperadas ainda renderam uns 350€.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *