Propagação de plantas invasoras – CUIDADO

IMG_20210407_170759_814.jpg

POST EDITADO

 

Depois de encontrar uma aplicação para identificar plantas a partir de fotos, descobri que é uma planta invasora.

 

Espécie incluída no Decreto-Lei nº565/99, como espécie invasora, sendo proibido o seu cultivo, detenção em local confinado ou usada como planta ornamental.

 

Capturar (73).JPG

Ironicamente, ainda ontem estava a ouvir um maravilhoso podcast sobre os erros que cometemos, quanto encetamos intervenções na natureza.

 

E agora cabe-me corrigir o meu erro e aprender com ele.

Não é por ser uma planta “silvestre” e comum na minha zona, que é endógena e segura. Lição aprendida.

 

TEXTO ORIGINAL:

Eu adoro as flores de primavera, que a generalidade das pessoas chama de ervas daninhas: os vinagres, as campainhas…

Estas são uma planta “vadia” da orla costeira onde vivo. Decidi apanhar um pé e tentar plantá-la em minha casa.

 

ATENÇÃO, ela foi retirada de um terreno que estava ser limpo para a construção de um prédio (a verdadeira praga destas bandas).

Não recomendo, de todo, que andem a apanhar plantas em terrenos públicos ou alheios. Se não a trouxesse, ia ser destruída, de qualquer modo.

São lindíssimas e fecham para “dormir”. As formigas parecem adorá-las.

Alguém sabe como se chamam?

Não se deixem levar pelo apelo ao consumismo que parece inundar as redes sociais, no que respeita a plantas. 

É perfeitamente possível enfeitar canteiros ou vasos com plantas adquiridas de forma frugal.

Mais sobre isso aqui: A moda das plantas em casa

 

 

https://descontos.blogs.sapo.pt/4061067.html

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *