Onde poupei e onde gastei

1.

Há dias tinha uns feijões brancos achatados que não havia modo de ficarem cozidos. Não quis utilizar a panela de pressão, com medo de os cozer até à estupidez (não seria a primeira vez), mas cozeram horas e continuaram encruados.

Acabei por abrir uma lata para terminar o jantar e congelar os feijões em pequenas porções para depois utilizar em sopa.

DSC_0014.JPG

 

2.

Estou curiosa para experimentar o pão com iogurte e farinha com fermento.

E por falar em fermento, consegui comprar Fermipan na Auchan.

 

3.

Continuo a fazer pequenos remendos. Pode parecer pouco, mas eu contabilizo o impacto ambiental de descartar a meia rota e da produção e transporte das novas.

E digam o que disser, eu tenho poupado muito dinheiro em meias.

Continuo a costurar máscaras sociais, entre outros pequenos projectos.

DSC_0009.JPG

4.

Já comi as primeiras cerejas do Fundão. Foram carotas (€17 – 2kg), chegaram de transportadora, mas foram um belo presente para a minha mãe, que adora cerejas e está fechada em casa há mais de 2 meses.

IMG_20200515_122403_444.jpg

5.

Comprei sapatilhas e umas calças de fato de treino. Tudo para andar por casa.

Apenas vou usar um par de sapatilhas e o restante fica guardado (eu também faço stock de roupa).

Roupa e calçado casual é difícil de encontrar nas lojas solidárias. Como é o tipo de coisa que usamos para andar por casa, gastamos mais e só tende a ser descartado quando está inútil.

Mas para poupar, também convém ser um pouco flexível. Mesmo não tendo o meu tamanho de calças (M),  decidi arriscar um tamanho acima.

Tudo, ficou por menos de 13 €.

Capturar.JPG

 

https://descontos.blogs.sapo.pt/3751489.html

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *